Quando um cachorro morre segundo o Espiritismo | O que acontece?

Quando um cachorro morre segundo o Espiritismo

Quer saber o que acontece quando um cachorro morre, segundo o espiritismo e a explicação de Chico Xavier? Então, veio ter ao local certo, pois temos a explicação que procura e que (honestamente) quer ouvir.

Para muitas pessoas perder um animal de estimação causa uma dor tão grande como perder qualquer outra pessoa (eu falo por mim). Ficamos preocupados com a nossa dor, porém também queremos saber se esse animal está bem e se foi para um local seguro.

Existe uma explicação, segundo o mundo espiritual, que mostra o seu trajeto desde a sua morte até à sua reencarnação (quando ela acontece). Sendo assim, continue lendo abaixo para compreender todo esse processo e para saber como funciona a reencarnação de animais de estimação.

O que acontece quando um cachorro morre, segundo o espiritismo?

O que acontece quando um cachorro morre, segundo o espiritismo

A explicação que vamos passar a dar é proveniente de Chico Xavier. Ele mesmo deu esta explicação, pois passou por uma situação traumática de quando perdeu sua cadela (que acabou voltando). Portanto, ele quis dar descanso a todos os outros donos de animais.

Ocorre a reencarnação do animal de estimação

Antes de mais nada, a reencarnação de animais funciona de maneira diferente dos humanos, mas vamos passar a explicar. Nos humanos, após a morte, entramos numa fase longa onde esperamos pela encarnação, porém os animais são encarnados de maneira quase imediata.

Então, quando o seu cachorro morre, a sua alma é encarnada noutro cachorro quase de imediato, dependendo das situações.

Segundo Chico Xavier, o espírito do nosso animal encarna noutro animal que vai nascer brevemente e esse animal pode ou não pode estar destinado a ficar com a gente, dependendo da maneira como foi a sua relação com o animal.

A evolução da alma do animal após a sua morte

Os cachorros procuram evoluir a sua alma e continuar a sua fase de vida na terra, assim como os humanos procuram continuar a sua vida ao lado de Jesus.

Imagine, os humanos após a morte procuram uma evolução espiritual no Céu, ao lado de Jesus, porém quando um animal de estimação morre no espiritismo, ele busca evoluir em direção ao dono, caso ele mereça tal coisa.

Então, o objetivo do seu cachorro que morreu é vir ter com você novamente através do corpo de outro cachorro que vai nascer, isto caso você seja uma pessoa merecedora!

Chico Xavier acredita que seu animal volta para você

Reencarnação de animais de estimação

A morte de um animal de estimação, segundo o espiritismo, não é o fim entre a vossa ligação. Caso o seu cachorro tenha sido bem cuidado, mimado e caso tenha tido uma boa relação com você durante a vida dele, é bem provável que a sua alma volte para a sua vida encarnada noutro animal.

Existem milhares de relatos de pessoas que arrumaram um cachorro novo após a morte de outro que agia de maneira exatamente igual ao que faleceu. O novo cachorro tinha brincadeiras iguais, fazia truques iguais e tinha uma personalidade completamente igual, sendo assim era demasiada coincidência!

Algumas pessoas afirmam até que o novo cachorro sabe coisas que apenas aquele determinado cachorro sabia! Portanto, mostrando assim que é o mesmo cachorro, mas apenas num corpo diferente. Um desses relatos é do próprio Chico Xavier!

Leia o relato de Chico Xavier e de sua cadela

Chico Xavier tinha uma cachorra de nome Boneca, que sempre esperava por ele, fazendo grande festa ao avistá-lo. Pulava em seu colo, lambia-lhe o rosto como se o beijasse. O Chico então dizia: – Ah Boneca, estou com muitas pulgas !!!! Imediatamente ela começava a coçar o peito dele com o focinho. Boneca morreu velha e doente. Chico sentiu muito a sua partida. Envolveu-a no mais belo xale que ganhara e enterrou-a no fundo do quintal, não sem antes derramar muitas lágrimas. Um casal de amigos, que a tudo assistiu, na primeira visita de Chico a São Paulo, ofertou-lhe uma cachorrinha idêntica à sua saudosa Boneca.

A filhotinha, muito nova ainda, estava envolta num cobertor, e os presentes a pegavam no colo, sem contudo desalinhá-la de sua manta. A cachorrinha recebia afagos de cada um. A conversa corria quando Chico entrou na sala e alguém colocou em seus braços a pequena cachorra. Ela, sentindo-se no colo de Chico, começou a se agitar e a lambê-lo. 

– Ah Boneca, estou cheio de pulgas!!! Disse Chico. 

A filhotinha começou então a caçar-lhe as pulgas, e parte dos presentes, que conheceram a Boneca, exclamaram: 
– Chico, a Boneca está aqui, é a Boneca, Chico!! Emocionados perguntamos como isso poderia acontecer.

Chico respondeu: 
– Quando nós amamos o nosso animal e dedicamos a ele sentimentos sinceros, ao partir, os espíritos amigos o trazem de volta para que não sintamos sua falta. É, Boneca está aqui, sim, e ela está ensinando a esta filhota os hábitos que me eram agradáveis. Nós seres humanos, estamos na natureza para auxiliar o progresso dos animais, na mesma proporção que os anjos estão para nos auxiliar. Por isso, quem maltrata um animal vai contra as leis de Deus, porque Suas leis são as leis da preservação da natureza. E, com certeza, quem chuta ou maltrata um animal é alguém que ainda não aprendeu a amar.

Afinal, para onde vão os animais quando morrem, segundo o espiritismo?

para onde vão os animais quando morrem, segundo o espiritismo

Agora que sabe o que acontece quando um cachorro de estimação morre, de acordo com o espiritismo, chegou a hora de reter a informação do local para onde eles vão. Então, continue lendo abaixo.

Após todas estas explicações fica fácil responder a esta pergunta para você, aliás, se calhar nem precisa ler mais deste artigo para saber a explicação dessa pergunta, porém vamos mencionar de maneira simples e rápida tudo o que precisa reter:

  • Se ele teve uma boa relação com você: o cachorro vai encarnar noutro cachorro que eventualmente vai aparecer na sua vida e permanecer nela até à sua morte.
  • Caso não tenha tido um bom relacionamento ou caso tenham havido maus tratos: o seu cachorro vai encarnar noutro cachorro onde terá uma nova possibilidade de ter um dono que o ame e que o trate com todo o respeito que merece.

A morte de um animal de estimação, de acordo com o espiritismo, não é o “fim da linha”, até pelo contrário, falamos isso pois é apenas uma nova oportunidade para o seu cachorro encontrar novamente toda a felicidade e amor que realmente merece.

Então, não se preocupe com o seu cachorro, guarde apenas as boas memórias dele e tenha sempre noção de que ele vai para um sítio melhor, esteja ele destinado a ficar com você ou com outra pessoa que precisa mais do amor e apoio dele do que você precisa.

Espero que a explicação sobre o que acontece quando um cachorro morre segundo o espiritismo acalme e alivie a dor que tem vindo a carregar no seu coração.

Lamento muito a perda do seu cachorro e desejo muita força para ultrapassar da melhor maneira essa situação difícil pela qual está passando.

Leia também:

Jorge Silva
Jorge Silva é um apaixonado pela escrita e pelo mundo espiritual, pelo que dedica grande parte do seu tempo ao estudo e à divulgação das suas aprendizagens sobre o mundo espiritual no seu portal Luz dos Anjos.